Sem saída (o caso do fiofó entupido)

01/11/2009 blogdagravida
Tags: , , , ,

cadeadoSabe aqueles comerciais de TV que mostram iogurtes, suplementos naturais, benzedeiras e talismãs que prometem “um intestino que funciona como um relógio”? Sempre me causaram um misto de angústia, alegria e descrençaAngústia pela vergonha alheia que sentia ao ver atores, diretores e outros profissionais envolvidos na cômica e difícil tarefa de vender um produto que garante ao consumidor a certeza de cagar com hora marcada.

Alegria pelas risadas que algumas propagandas conseguiam provocar em mim – e em outros telespectadores, bem sei – ao apresentar o assunto. Como o tema é, digamos, assim…meio “preso”, fazem de tudo para tratá-lo com humor e a coisa acaba ficando meio ridícula.

Descrença na eficácia do produto e na existência de gente tão entupida e desesperada quanto aqueles atores mostrados nas propagandas. Não dava pra acreditar que alguém realmente tivesse tanta dificuldade para sentar lá no vaso sanitário, abrir o desktop, esvaziar a lixeira e clicar na descarga. A não ser que fosse algum sujeito com uma grave doença no intestino, o que não justificaria tomar litros de iogurte, mas sim procurar um médico.

Paguei minha língua. E paguei com o c*. Se eu acreditasse em castigo divino ou na lenda de que algumas pessoas tem poder de rogar pragas nas outras, explicaria de forma esotérica o meu fiofó entupido a partir da 30.a semana de gestação.  Não que antes da gravidez eu fosse o tal “reloginho” da propaganda, mas “cagar ou não cagar” nunca foi “eis a questão” na minha vida. Era tão normal quanto tomar água ou puxar o freio de mão ao estacionar o carro. Coisa mecânica do dia a dia, que eu fazia sem prestar atenção. Bem diz o ditado que a gente só dá valor ao que tem depois que perde. E o poder de dar uma boa cagada antes de ir dormir é algo que a gente precisa valorizar, gente amiga!

Desconhecia a importância do assunto. Se ri dos entupidos, se zoei as propagandas de laxantes e iogurtes milagrosos, foi por pura ignorância. Só agora, aos 35 anos de experiência cagona (que começou com mecônios tímidos na década de 70, nas fraldinhas de pano que mamãe lavava) me dou conta de como o assunto “intestino” é constrangedor para a maioria das pessoas, inclusive para mim. Ao lavar o fiofó, senti com as pontas dos dedos que havia alguns carocinhos naquela área. Imagina o susto.

Passei um dia angustiada com aquilo, queria ligar pra médica mas não sabia por onde começar a explicação. Então procurei a ajuda da pessoa que melhor me conhece: por dentro e por fora. Por cima e por baixo. Na frente e atrás. Da perseguida ao fiofó. Aliás, ela até já havia passado talquinho no meu bumbum, antes da prática ser condenada, lá nos tempos dos alfinetes gigantes:

“Tô com bolinhas no c*, falei pra minha mãe.

Alívio quando mamãe sabe-tudo explicou que era normal. Pânico quando ela engatou no papel de enciclopédia materna e deu nome pra´quele fenômeno: “São hemorróidas, algumas mulheres tem isso na gravidez. Eu mesma tive, mas sumiram depois do parto”. Mais pânico quando ela disse que em alguns casos a coisa complica e uma prima havia até passado por uma cirurgia pra resolver o problema.  Imaginei num futuro não muito distante meu destino de humilhação:  uma sala de cirurgia, minha bunda pelada, arreganhada e erguida e um bando de médicos costurando meu fiofó. Pânico master blaster.

gravidabanheiroMas nem assim consegui ligar pra médica. Mamãe aconselhou e eu aumentei a ingestão de fibras e água. Comprei litros do tal iogurte que prometia desentupir minha saída. Nada adiantou. Uma semana depois tive consulta com a obstetra e fiquei surpresa com a minha dificuldade em falar do assunto. Aquela mulher já havia me visto pelada, já havia enfiado até a mão na minha vagina, daqui a algum tempo vai trazer meu filho ao mundo… e eu ali com vergonha de falar que tinha uns carocinhos no fiofó. Parecia que a garganta ( não o c*) estava entupida. Tá certo que o fiofó é feinho demais, tadinho. E faz um serviço que não cheira nada bem. Mas o assunto era importante, eu sentia dor e aquela situação estava atrapalhando minha vida. Mesmo assim a reclamação não saía. Dei algumas voltas até conseguir chegar ao assunto e falei baixinho, olhando para o lado:

– Acho que estou com uns…umas…é….alguma coisa…lá…(comicamente apontei para trás com o dedão) sabe… minha mãe falou que é normal, que ela teve, que sarou depois, que chamam de…é…acho que é…são …ahn…hemorróidas.

Achei que a notícia teria um impacto tremendo sobre a médica. Fiquei esperando uma mexida incomodada na cadeira ou uma pigarreada para disfarçar o constrangimento.

Sangra?

Lembra o pânico mega blaster? Foi promovido a chefe e demitiu todos os meus pudores:

– Essa porcaria pode sangrar, doutora????

Depois de um verdadeiro tratado sobre o que são hemorróidas, o tratamento, as possíveis complicações e a necessidade de manter o fiofó em ordem para a hora do parto normal, a médica prescreveu um medicamento fitoterápico para auxiliar no funcionamento do intestino e uma pomadinha que deve ser aplicada no fiofó toda noite, antes de dormir. Tudo de uso permitido na gravidez.

Meio sem graça, entreguei a receita médica ao marido. Um gentleman. Não fez perguntas. Mas deixou claro que estava por dentro do problema na saída do esgoto: junto com os remédios, trouxe também ameixas, aveia e mamão para a casa.

O fitoterápico fez efeito quase imediato e eu voltei a sorrir e a cantar. DesentupidaPassei a ver o mundo com outros olhos se é que você me entende.

Não dou mais risada dos comerciais de tv. Fico emocionada com eles, num sentimento de solidariedade aos que enfrentam congestionamentos gigantescos e horas eternas e suadas no banheiro. E um viva às ameixas! Hip hip hurra!!

—————————————————————–

Saiba mais sobre o assunto no site do Dr. Drauzio Varella

Anúncios

Entry Filed under: Gestação,Histórias de grávida,Segredos de grávida,Sem medo de perguntar,Sintomas da gravidez

28 Comments Add your own

  • 1. Lívia  |  01/11/2009 às 23:37

    Assunto constrangedor mesmo…
    Bjs

  • 2. Lilix  |  02/11/2009 às 1:36

    So vc moca! fico aqui rolando de rir com os seus textos.. Vai la no meu blog, vc ganhou um premio! rsrsrs

  • 3. Carol  |  02/11/2009 às 11:19

    eu sei que o assunto dá uma vergoinha, mas preciso admitir que ri demais. De dar gargalhadas altas e o marido vir ver o que era.

    mas que bom que a coisa já se resolveu e vc pode ver o mundo com outros olhos! hihihih

    beijos!

  • 4. Taty Pelinson  |  02/11/2009 às 13:32

    Essa síndrome do fiofó entupido é muito comum por aqui…sofremos…

    Adorei este blog e já inclui na “lista de blogs que leio”.

    Parabéns pelo seu jeito de escrever, muito bom.

    Taty

  • 5. Luisa  |  02/11/2009 às 16:11

    hahahahahahaha…
    Este é um assunto que incomoda e envergonha muita gente. Mas vc escreveu com tanto humor que nem me sinto constrangida de dizer; “Eu também estou com este problema…”
    Mas eu moro nos EUA e minha médica não me recomendou remedinho nenhum… nem mesmo fitoterápico. A constipação na gravidez é normal, mas se vc toma ferro (no sentido suplemento alimentar da palavra), o problema piora. O que me ajudou bastante foram os iogurtes milagrosos… mas tem que tomar todos os dias e apenas depois de alguns dias que o resultado aparece. Bom, mas nada de “reloginho” tambem. Mas que melhora, ah… isso melhora!
    E ate “as bolinhas” agradecem!!!

  • 6. naninha  |  02/11/2009 às 17:05

    Gravida!

    Voce me complica a vida… como nao vou rir disso tudo.. voce é humorista caramba!

    Mas… ta bom…
    entendi o que voce quis dizer: A gente só sente a dor dos outros quando ela é no nosso proprio c…

    rsrs… mas vc falando assim… do jeito que falou… fica dificil nao rir… eu bem q tentei, em solidariedade a vc e aos atores envolvidos neste tema… mas… foi dificil!

    Aaa e sobre o teu comentario no blog.. sobre cercas e afins… (aff num creio q pensou em colocar detector de movimento!!! ahahah!) eu pensei um pouco sobre isso… é acho q seus prob;emas acabaram! Meio termo é a raiz da resposta! E nao esquenta nao… coisa de homem achar q “o muleque vai ser um bundão”… eles acham que o bebe menino já nasce homem cabra da peste… e esquecem que o homem que são hoje… ontem foram bebes grudados na barra da saia da mae tambem… normal… e … vai acosumando com as divergencias conjugais na hora de dizer “sim” e “nao” ao pobre muleque… pq é assim mesmmmmoooo…

    depois a gente conversa mais… in off… sobre isso… qdo vc quiser!

    bjo

    boa sorte em tudo!

  • 7. Lara Rezende  |  02/11/2009 às 20:08

    Querida grávida,
    Por muitas vezes venho aqui, leio e me divirto mas nunca comento. Mas hoje vc tocou num assunto muito importante e constrangedor, de fato. Pra não me alongar muito, eu queria saber o nome do bendito fitoterápico, porque esses iogurtes e afins não resolvem! hahhaa
    Sentiu o desespero da pessoa né? POis bem, tomei coragem pra falar, já que nem sou anônima, mas a questão do entupimento é incômoda demais pra eu ficar com vergonha de perguntar! hahaha
    beijos

    • 8. rozinha  |  05/11/2009 às 16:26

      Eu conheço um fitoterápico muito bom, próprio para grávidas também, chamado PlantaBem. Vende em farmácia comum.

      • 9. blogdagravida  |  07/11/2009 às 21:11

        Rozinha, falei sobre ele no post de hoje: https://blogdagravida.wordpress.com/2009/11/07/por-todos-os-buracos/
        Aliás, já haviam me falado dele, mas eu esperei a consulta com a obstetra. Não tomo remédio sem ordem médica. Ainda mais na gravidez, né? Até um aparentemente inocente medicamento natural, feito à base de fibras vegetais, pode ser prejudicial.

    • 10. blogdagravida  |  07/11/2009 às 21:12

      Pois é, colega, põe pra fora. Entendeu? PÕE PRA FORA hahahahaha Olha, falei do fitoterápico no post de hoje. Mas não tome sem conhecimento do médico, ok? https://blogdagravida.wordpress.com/2009/11/07/por-todos-os-buracos/
      Beijo e boa sorte.Lembre-se: não faça força, pode ser perigoso uahauahauha

  • 11. Mammy  |  02/11/2009 às 22:56

    Eita, que bom que a médica te ajudou no seu probleminha.. rss

    Beijocas da colega do NFP! 😉

  • 12. Dri Viaro  |  03/11/2009 às 7:30

    aff eu tb tive isso na gravidez, teve uma vez que tive que ir correndo ao meu obstetra pra ele ver o tamanho da encrenca, eu tive que ficar uma semana de licença por causa do fiofó inchado e sentando de ladinho rsssss, melhoras amiga
    bjssss

  • 13. Amanda  |  03/11/2009 às 8:26

    Estou tomando também o Agiolax e passando uma pomada. Meu médico disse que é uma medida profilática, já que nunca fui regulada, e sempre precisei de truques como suco de ameixa, iogurtes, fibra, tudo junto…

  • 14. Dê Freitas  |  03/11/2009 às 9:00

    Só você para me fazer rir logo cedo das piores coisas que nos acontecem.

    bjs,

  • 15. Fabiana  |  03/11/2009 às 9:22

    Eu sempre sofri com intestinos presos. E na gravidez não poderia ser diferente. O meu não deu as bolinhas, mas sangrou sim: as chamadas fissuras.
    Diferente de vc, não tive vergonha e fui direto ao médico especilista mostrar o fofo. Ele me passou o remédio de tomar e a pomadinha de passar. Melhorei mas claro: amexia, mamãe, água e cereais não podem faltar.
    Bjos.

  • 16. Jaboticaba Preta  |  03/11/2009 às 12:33

    Olá Grávida,

    Eu já sofria do problema antes mesmo de engravidar. Estou no último trimestre e a situação piorou muito. Infelizmente aqui na Holanda não há aquela diversidade de frutas ricas em fibras como ai no Brasil. O que eu faço para contornar o problema é o aumento de fibras (cruesli, figo, maçã) e bebo no mínimo 2 litros de água por dia.

    Boa recuperação!

    Beijocas

  • 17. Mãe do Pitoco  |  03/11/2009 às 15:32

    Que merda, né?

  • 18. Paula Farias  |  03/11/2009 às 16:16

    Oi grávida, bem eu já fiz parte do grupo das trancadas, hoje com uma alimentação bem legal vou quase todos os dias a Dona Celite. Qdo está meio dificil a coisa, tomo de manha, em jejum, um frasco de Activia, mas nao o iogurte e sim o leite fermentado, é tiro e queda, até as 11h a coisa flui. Linhaça ajuda tbm, mas em graos, não a farinha, e pras hemorroidas nada de fazer força demais, deix escorregar …
    hehehehe … boa sorte!

  • 19. Fabiana Amoriello  |  03/11/2009 às 17:06

    Olá, estou te acompanhando sou amiga virtual da http://mamyrenata.blogspot.com , tb sou mamãe, e de primeira viagem…muitos bjos para vcs!

    http://fabianabigarelli.blogspot.com

  • 20. Ritinha  |  04/11/2009 às 16:23

    Dona grávida, hhahahaah, não tem como não rir duma situação dessas, mas, entretanto, todavia, porém, eu sou um ser entupido, então, entendo essa dor. Alias, tenho medo de quando ficar grávida ficar mais entupida ainda, já sofro agora, grávida então, to f*dida e mal paga! hahahah…
    Mesmo assim, sou capaz de rir dos comerciais, são ridiculos… hahaha
    Beijos.

  • 21. rozinha  |  05/11/2009 às 16:24

    kkkkk, Grávida, vc se superou!!! Vc escreve de uma maneira muito legal, tratou o assunto com uma leveza ímpar!!!
    Quando eu crescer, quero ser igual a vc, mas o fiofó livre e desimpedido, rsrsrs

    • 22. blogdagravida  |  07/11/2009 às 21:09

      Mas é que AGORA eu estou mais leve mesmo…uahauahauahauah Beijo!

  • 23. Por todos os buracos &laq&hellip  |  07/11/2009 às 16:01

    […] é o nome do bendito fitoterápico que desentupiu meu  fiofó (não sabe do que estou falando? Leia aqui). Aviso aos navegantes da web: sou contra a auto-medicação, principalmente na gravidez. Mesmo um […]

  • 24. leticia Volponi  |  08/11/2009 às 22:17

    Menina, fiquei uns dias fora do ar por causa da festinha de niver e to pondo a leitura em dia. Me caguei de rir… Parabéns pela manbeira descontraída como lidou com o assunto…

    • 25. blogdagravida  |  09/11/2009 às 23:06

      Bom, pelo menos alguém está cagando uahauahauaha e ainda faz isso enquanto ri e não enquanto chora de dor kkkkk Que bom! Fico feliz por você hahahaha

  • 26. Tão perto…tão lon&hellip  |  16/11/2009 às 17:40

    […] de quase todo o desconforto. O excesso de peso prejudicou a circulação, o intestino, provocou hemorroidas, inchaço nas pernas e nos pés, dificuldade para me locomover. Tenho a sensação de que para o […]

  • 27. Cláudia  |  08/01/2010 às 1:51

    Nossa meninas, comigo esta acontecendo o contrário. Estou de 8 pra 9 meses, 3 bebes. ^^. E vou mto no banheiro, faço mtoo cocô todos os dias. Virei uma rainha literalmente. Mas tenho um pouco de hemorroidas tbm. Será normal?

  • 28. Lucas  |  24/07/2010 às 21:22

    Apesar de constrangedor…

    Primeiro:
    A mulherada precisa aprender a ingerir uma coisinha barata, mas que a maioria não toma: ÁGUA.

    Segundo: alimentação com mais folhas e/ou algum suplemento com mta fibra.
    Se não beber água, vai ficar PIOR do que antes.

    **

    É muito bom saber que temos mais pessoas, a cada dia, dedicadas a desenvolver temas sobre nutrição, boa forma e saúde na internet.

    Certamente, informações muito úteis, mesmo que constrangedoras.

    Gostaríamos de fazer um convite para visitar nosso sítio, quando tiver um tempo:
    http://companhiadanutricao.com.br (opção PORTAL)

    Felicidades para você e seus leitores!

    Equipe Companhia da Nutrição
    Valorizando os profissionais de saúde


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to comments via RSS Feed

Páginas

Categorias

Agenda

novembro 2009
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Most Recent Posts

 
%d blogueiros gostam disto: